Palavras Mal Ditas

Colo no teu colo, o sangue disfarça a farsa do amor!

A vida me fez caçula, músico, poeta nascido em cancêr

Hoje fui tão longe que nem perto consegui chegar!

Eu pedi uma chance, por um "R" eu a perdi...

 

Parte de mim é parte de ti,

Agenda-me no teu viver.

 

Como continuar se o meu peito colado está?

Não há mais espaço entre dois mundos para ficar.

 

Lavo bem a roupa, deixo bonito para chover!

Relacionamento sério? Eu quero é ter um feliz.

 

 

 

 

 

Um micro poema postado no facebook:

"Colo no teu colo". Lucas Coimbra.

Uma melodia inteira gerada sem esforço, uma garimpagem dos vários micropoemas desse poeta taletosíssimo. <3

Lucas Coimbra e Naiara Lira

Copyright © 2013 Naiara Lira   |  Por Tályta Almeida

  • Wix Facebook page
  • SoundCloud App Icon
  • YouTube Classic

Webmaster Login