Louca
Naiara Lira

Sou louca,

Das que querem ver o mar na pia do banheiro,

Sou louca!

E o brilho das estrelas no céu da boca

Sou louca!

Vejo discos voadores nas teias de aranha da cozinha

Ouço vozes lá no fundo do criado mudo

Sou louca!

Das que dormem no chão pra não cair da cama,

Sou louca!

Das que acreditam em milagres todo dia.

 

Pretendo no futuro no meu quarto

Ser goleira na trave do arco-íris

Quem sabe não precise tão somente

Segurar por um instante todos os raios do sol?

Quem sabe só assim eu compreenda

Afinal o que é ser normal?

 

Sou louca! Sou louca! Sou louca!

Letra e Música: Naiara Lira

Arranjo: Cairo Vitor

    Naiara Lira: Voz

    Thanise Silva: Flauta Transversal

    Pedro Vasconcellos: Cavaco

    Cairo Vitor: Violão 6 cordas

    Merê: Baixo

    Sam Defor, Nathália Lima, Álvaro Portugal e Lucas Muniz – Backing Vocals e efeitos

 

 

Escrevi um poema com memórias vagas da infância de outrem, com frases terminadas pelo google, com ideias de loucuras que de tão alheias descobri minhas, e com sonhos que um dia me acordaramna melodia da canção e na letra adaptada. Mas afinal o que é ser normal?

 

 

Para ouvir, clique aqui

Letra cifrada, clique aqui

 

Copyright © 2013 Naiara Lira   |  Por Tályta Almeida

  • Wix Facebook page
  • SoundCloud App Icon
  • YouTube Classic

Webmaster Login